Tortellini de Carne

30 01 2009

já a algum tempo que não contribuía com uma receita para o nosso site… desculpem…

esta semana fiz uma das receitas preferidas do moço, e minha também, mas desta vez coloquei a maquina na cozinha de modo a ter tempo para tirar foto ;)

esta receita e simples e muuuuito saborosa, digamos que e um tipo de lazanha muito mais simples de fazer e que trás a mesma satisfação ;)

Ingredientes:

  • 500 g de carne de vaca moída
  • 1 embalagem de tortellini com recheio de queijo (ou outro sabor qq…)
  • 1 lata de puré de tomate
  • 1 lata de tomate aos pedaços
  • 1 lata de cogumelos
  • 1 cebola
  • 2 colheres de sopa de açúcar
  • oregãos, pimenta, sal, mistura de ervas para pizza, mistura de ervas italianas (a gosto, eu meto sempre muito!)
  • azeite (2 colheres de sopa)
  • uma embalagem de mistura de queijo ralado (parmesão, mozzarela, cheddar)

Preparação:

Pica-se a cebola muito bem picadinha e refoga-se no azeite ate estar bem lourinha.

Junta-se a carne picada e mexe-se ate ficar bem desfeita. Deixa-se refogar cerca de 10minutos, ate a carne passar de vermelho para castanho. Seguidamente juntam-se os cogumelos, as duas latas de tomate, o açúcar, os condimentos e deixa-se cozer 30 minutos ou ate estar bem apuradinho… Eu vou sempre provando de modo a obter o tempero pretendido, e normalmente adiciono bastante condimento ;) Pessoalmente coloco uma colher de sopa de cada condimento…

A parte cozem-se os tortellini segundo as instruções.

Num tabuleiro colocam se os tortelini e o recheio de carne, espalha-se muito bem e polvilha-se com o queijo ralado.

Vai ao forno em lume médio ate o queijo derreter, cerca de 20 minutos.

Resultado…deliciosa ;)

Catherine





beringela recheada

21 01 2008

que a pentax é MUITO boa cozinheira, já não é novidade nenhuma =) portanto, não é de estranhar que estas beringelas sejam deliciosas e tenham sido provadas e aprovadas por todos os que as provaram – e isso inclui a minha sobrinha, cujos 9 anos a tornam algo selectiva!

cá vai a receita, tirada directamente daqui:

Ingredientes:

  • beringelas (1 por pessoa)
  • atum (1 lata por pessoa)
  • cogumelos laminados
  • polpa de tomate
  • cebola
  • chouriço
  • queijo para gratinar

Preparação:

Partem-se as beringelas ao meio, no sentido do comprimento, retira-se o miolo e reservam-se as bases à parte.

Pica-se a cebola e leva-se a alourar em azeite, juntamente com o chouriço cortado em pedacinhos pequeninos (também pus um dente de alho picado e uma folha de louro), até dourar a cebola, e depois junta-se o miolo da beringela cortado em cubinhos pequenos – e deixa-se refogar, lentamente, mexendo de vez em quando. Quando a beringela estiver praticamente desfeita, junta-se o atum, os cogumelos, e a polpa de tomate, e deixa-se cozinhar até apurar um pouco (eu juntei um bocadinho de pimenta, para realçar o sabor – e porque ponho sempre pimenta, …) e perder alguma água que os ingredientes tenham largado.

Deita-se este preparado nas bases de beringela, põe-se o queijo por cima e vai ao forno até gratinar!

beringela recheada

Eu servi com arroz, porque já não tive tempo para fazer puré; a pentax serve apenas assim, sem acompanhamento, mas eu prefiro ;) É um prato relativamente rápido de fazer, é mjuito fácil, é muito bom e também fica bonito – ou seja, não há defeitos!

obrigada, pentax!!

Bom Apetite!





Chao mein inventado por mim :)

29 11 2007

Este chao mein foi mais ou menos inventado por mim, isto é, vi uma receita que tinha mil e um ingredientes, então escolhi aqueles que, a meu ver, acentuariam mais o sabor… e o resultado é fantástico!!!!

Ingredientes:

  • 1 pacote de massa de ovo para chao mein (pacote grande)
  • 2 peitos de frango
  • cogumelos frescos
  • rebentos de soja
  • bróculos
  • molho de ostras
  • 1 colher de sopa de molho de soja
  • pimenta
  • 2 colheres de sopa de gengibre esmagado

Preparação:

Antes de mais, corta-se o frango em pequenos pedaços que se fritam com um pouco de azeite na wok, por cerca de 10 minutos.

Enquanto isso, cortam-se os cogumelos (gosto dos frescos porque posso cortar em pedaços grandes, além de que têm outro sabor!!!) e os bróculos. Desculpem nao ter posto gramas no vegetais, mas é assim, isto é a gosto, eu gosto de pôr muitos vegetais, por isso ponho sempre em grandes quantidades :) .

Ok, quando os pedacinhos de frango estiverem quase cozinhados, adicionam-se o gengibre e o molho de ostras (cerca de uma chávena, ou mais, vai-se provando), o molho de soja e os cogumelos… Deixa-se cozinhar por cerca de 10 a 15 minutos, com a wok tapada e mexendo de vez em quando.

Quando os cogumelos estiverem macios e o frango totalmente cozido, adicionam-se os bróculos e os rebentos de soja (quase no fim, pra evitar bróculos empapados :S). e deixa-se cozinhar por 5 minutos.

Por fim, adiciona-se a massa previamente cozida, envolve-se e serve-se… uma delicia garantida!!!!!

Atenção ao modo de preparação da massa, minhas meninas: a que eu compro, só posso deixar em agua a ferver por 1 ou 2 minutos, senão fica papa…

Experimentem, é mesmo muito bom!!!!





Soja à bolonhesa – receita rápida

26 10 2007

Tal como prometido, cá vai uma receita para arejar aqui o espaço =)

Experimentei-a na quarta-feira à noite, e parece que foi aprovada, portanto cá vai:

ingredientes:

  • 100gr de proteína de soja desidratada (fina ou em cubinhos)
  • 350gr de esparguete tricolor (ou não)
  • 2 tomates maduros e 3dl de água
  • sal e uma cebola grande
  • 2 dentes de alho e 1dl de azeite
  • 1 pacotinho de polpa de tomate (daqueles do tamanho de um pacote de natas, não sei quanto leva)
  • 1 lata pequena de cogumelos laminados
  • 1 colher de chá de oregãos moídos
  • pimenta e noz moscada q.b.

preparação:

Demolha-se a soja em água abundante, durante cerca de uma hora.

Coze-se a massa em água temperada com sal, durante cerca de 8minutos.

bolonhesa de soja

Para a bolonhesa, salteia-se a cebola e os alhos picados no azeite; acrescenta-se a soja bem escorrida, os cogumelos, o tomate aos pedaços pequeninos, sem a pele, e deixa-se saltear até ficar macio. Junta-se a água quente e deixa-se cozinhar um pouco mais. Acrescenta-se a polpa de tomate, e tempera-se com sal, pimenta, noz-moscada e oregãos, e deixa-se apurar mais uns 4 ou 5 minutos.

Serve -se com o esparguete, e com salsa picada por cima (de preferência fresca, eu só tinha seca…). Como o j. aceitou vir experimentar a receita (ele, que é mesmo muito carnívoro…), e por receio que detestasse a soja ao ponto de não conseguir comer, juntei meio frasco de feijão-manteiga cozido. Pelos vistos não era preciso, porque ele comeu e repetiu, e no fim disse que estava bom. ;)

nota: usando soja em cubinhos, convém dar umas “passadelas” com a varinha mágica, para tornar a bolonhesa mais “fina”. Porém, não é preciso desfazer tudo, até porque não interessa que fique em papa ;)

Bom Apetite!