Bolachinhas de Canela e Gengibre

10 06 2008

Passeava eu pela blogosfera – um hábito que tenho vindo a perder, nos últimos tempos – quando encontrei o blog da Nani e, nele, estas bolachinhas. Como eu queria fazer bolachas de gengibre, nem pensei duas vezes e lá fui eu para a cozinha =)

São tão boas! E tão fáceis de fazer, que terei de repetir =)

Ingredientes:

  • 400gr de farinha
  • 150gr de açúcar amarelo
  • 1 colher de chá de gengibre em pó
  • 1 colher de chá de canela
  • 200gr de manteiga amolecida
  • 1 ovo

Preparação:

Misturam-se os ingredientes todos até a massa ficar bem homogénea (como a Nani tinha a versão bimby, lembrei-me de acabar de amassar na Máquina de Fazer Pão, para melhorar a consistência e poupar trabalho, e não me arrependi nada).

Com a massa, fazem-se rolinhos de cerca de 5cm de diâmetro, e cortam-se fatias, que serão as nossas bolachas. Passa-se um garfo por cima, para fazer risquinhos, e  leva-se ao forno num tabuleiro forrado com papel de alumínio durante cerca de 15minutos.

bolachinhas

Bom apetite!!

Anúncios




Tarte de Chocolate (da avó do Miguel)

16 03 2008

Provei esta tarte, pela primeira vez, num aniversário do Miguel, comprovei o quão boa era numa das noitadas de óscares, e pedi a receita =) Mas, apesar de seguir as indicações à risca, não consigo que a tarte ganhe consistência a não ser que a congele =( ontem voltei a fazê-la e voltou a ficar mais pudim do que tarte… Mas sempre muuuito boa – para chocólatras ;)

Ingredientes e Preparação:

Para a base:

  • 1 pacote de bolacha torrada moída
  • 200gr de manteiga
  • 1 colher de açúcar

Amassa-se tudo com as mãos e forra-se uma tarteira de pirex/vidro/loiça. Vai ao frigorífico até os cremes estarem prontos.

Para o creme de chocolate:

  • 3 ovos batidos
  • 4 colheres de sopa de açúcar
  • 2 colheres de sopa de farinha
  • 1 colher de sopa de maizena
  • 1 pacote de chocolate em pó
  • 1 copo e meio de leite

Batem-se os ovos com o açúcar e as farinhas, mexe-se muito bem para desfazer os grumos, e junta-se o leite. Vai ao lume até engrossar e junta-se o chocolate – se o creme formar caroços, bate-se um pouco com a batedeira. Deita-se na tarteira e põe-se no frigorífico.

Para as natas:

  • 1 pacote de natas
  • 3 colheres de sopa de açúcar

Batem-se as natas em castelo, junta-se o açúcar e bate-se mais um pouco. Espalha-se por cima do chocolate e põe-se no congelador até 15 minutos antes da altura de servir.

Tarte de Chocolate

Apesar de toda a gente ter gostado – e eu também ;) – não fiquei satisfeita com a textura e vou fazer ajustes da próxima vez. Depois conto ;)





Delícias de Leite

11 03 2008

Esta é uma daquelas super receitas que não têm preço, ou seja, o resultado é fantástico e a preparação é ridiculamente fácil e rápida =) encontrei-a no Carpe Diem e fiquei logo “de orelhas no ar”, fiz as delícias ontem para o lanche com a catarina, e já tenho nova fornada quase pronta ;)

O nome original era »Queijadas de Leite», mas acho que «Delícias de Leite» é mais adequado =)

Ingredientes:

  • meio litro de leite (usei meio gordo)
  • 30gr de manteiga
  • 4 ovos
  • 100gr de farinha (usei com fermento, não tinha outra)
  • 270gr de açúcar
  • raspa de um limão grande
  • uma pitada de sal
  • canela para polvilhar

Preparação:

Põe-se o leite ao lume, juntamente com a mangteiga e deixa-se ferver.

Entretanto, num recipiente mistura-se a farinha com o açúcar e os ovos inteiros, até ficar homogéneo, junta-se o sal e a raspa do limão e mexe-se bem. Pode bater-se com a batedeira ou num liquidificador, mas eu prefiro fazê-lo “à moda antiga”, com a colher de pau =)

Quando o leite tiver fervido, deita-se aos poucos e poucos na massa e vai-se mexendo – não pode ser tudo de uma vez para não talhar os ovos, e juntando aos poucos é mais fácil conseguir uma mistura toda igual. Deita-se o preparado em forminhas anti-aderentes (as minhas são de silicone) e leva-se a forno médio/brando até estarem prontas – cerca de 20 minutos, mas é melhor ir vendo de 10 em 10 minutos porque varia de forno para forno. Quando estiverem prontas, polvilha-se com canela =)

Eu consegui fazer 18 delícias, e não sobrou nenhuma!

Delcias de Leite

Bom Apetite!





Lasanha de Salmão

10 03 2008

Esta é uma óptima receita para quem quer escapar um cadinho à tradicional lasanha de carne (que não deixa de ser boa ;) ), super saborosa e facil de fazer!!! Retirei esta receita da net, experimentei e… voltei a experimentar, e já são 3 vezes que a faço, muuuuitooo boa!!

Ingredientes:

  • 425 gramas de queijo ricotta
  • 1 1/2 chavena de queijo Jarsberg
  • 300 gramas de espinafres lavados, escorridos e cortados em pequenos pedaços (como quem prepara alface)
  • 1 1/4 chávena de leite
  • 1 ovo
  • 1/4 colher de sopa de noz moscada (ou mais, depende do gosto… eu meto sempre muito mais ;) )
  • 1 colher sopa de manteiga
  • 2 dentes de alho esmagados
  • 2 colheres de sopa de farinha
  • 2 postas médias de salmão (cozido e desfiado)
  • 1/4 chavena de dill picado (endro)
  • sumo de um limão
  • um pacote de massa para lasanha
  • 1/4 chavena de queijo parmesão
  • 1/4 chavena de queijo mozzarela

Preparação:

Pré-aquecer o forno a 350C!!!

Numa bela frigideira aquece-se uma colher de sopa de azeite, quando este estiver quente colocam se os espinafres e deixa-se cozinhar por cerca de 10 minutos em lume médio, ou até estes estarem bem macios e reduzinhos a metade…. deixa-se arrefecer.

Preparado 1:

Num recipiente, junta-se o queijo ricotta com o queijo Jarsberg, os espinafres cozinhados, 1/4 chavena de leite, o ovo, uma pitada de sal e a noz moscada. Mexe-se muito bem…

Preparado 2:

À parte, derrete-se a manteiga num tacho em lume médio. Quando esta estiver a ferver, junta-se-lhe o alho e deixa-se refogar até estar bem douradinho. Reduz-se o lume para médio e acrescenta-se a farinha e deixa-se cozinhar por 1 minuto. Deve-se obter uma “papa” ;) a esta acrescenta-se o leite aos pouquinhos e sempre a mexer para nao formar grume (muito importante)… e entretanto continua-se a mexer até o creme engrossar e ficar cremoso. Junta-se então o salmão, o dill e o limão.

(entretanto a massa de lasanha deve estar cozida neste momento… por isso é opção cozê-la agora ou então cozê-la enquanto se prepara o preparado anterior… ou entao opta-se pela pré-cozida ;)

Neste momento, ja podemos fazer a dita lasanha!

Num pirex, alternam-se camadas de massa, preparado 1 e preparado 2, quantas vezes nacessarias…. polvilha-se com queijo parmesão e queijo mozzarela.

Vai ao forno por 40 minutos em lume médio-brando ate o queijo estar douradinho.

Retira-se do forno e deixa-se repousar por 10 a 15 minutos antes de servir ;)

e depois…. deliciem-se ;)

(tenho foto na máquina, vou descarregar e depois publico, proooometo)

 Nunca comprei dill ai em Portugal, mas pela traducao da net, devem procurar por endro, uma erva com este aspecto:

da para comprar fesco e seco… e um ingrediente chave nesta receita ;)





Crunch bars ;)

10 03 2008

Estes sao sem duvida uma tentacao…. sao mesmo de comer e “gritar” por mais, hehehe… nao esperem, experimentem (parece que tou a vender qualquer coisa, mas nao). Experimentei-os pelo ano novo em casa do primo do meu mais que tudo, e … nao tenho palavras, so experimentando mesmo, alem de que, sao super simples de fazer ;)

Ingredientes:

  • 35 premium plus crackers 
  •  1/2 chavena de manteiga
  •  1/2 chavena de acucar amarelo
  • 2 barra medias de chocolate aos pedacos (de leite ou negro, eu prefiro de leite, cadburry ou nestle)
  • 1 chavena de avelas aos pedacinhos

Preparação:

Antes de mais, pre aquecer o forno a 400C!!!

Num tabuleiro dispoe se os crackers de forma a revestir o tabuleiro totalmente (uma so camada de crackers).

Agora toca de colocar a manteiga e o acucar num tacho e levar ao lume em fogo medio, ate a manteiga derreter completamente e conseguirmos uma mistura homogenea. Mexe-se constantemente ate ferver e deixa se cozer por 3 minutos… depois, espalha-se a mistura por cima dos crackers de forma a cubri-los totalmente.

Leva -se o tabuleiro ao lume por  7 minutos. Retira-se o tabuleiro do lume e imediatamente espalha-se o chocolate aos pedacos por cima. O chocolate vai derreter em cerca de 5 minutos, depois e so espalhar c uma espatula de forma a revestir o preparado anterior. Por fim, espalham-se as avelas aos pedacinhos e ta pronto!!!!

Entretanto deixa-se arrefecer completamente. Parte-se em pedacos de tamanho desejado, resultado:

 ;)
uma delicia garantida!!!!




bolo mármore

24 02 2008

não fiz este bolo mais do que duas a três vezes, e não o faço certamente desde os meus 11 ou 12 anos – ou seja, há mais de 15 anos.

apesar de ser bom e de ser também bonito, guardei dele a ideia de ser difícil de fazer, complicado ou demorado, já nem sei ao certo…. mas ontem quis fazer um bolo e lembrei me dele, fui buscar o livro da vóvó donalda à estante e procurei a receita para tentar perceber se era viável fazê-lo para a sobremesa do almoço (já passava do meio-dia). achei o tão simples que quase nem deu gozo fazê-lo, a preparação é muito rápida! a minha recordação de dificuldade deve ter ficado por causa da manteiga amolecida, na altura ainda não tinha micro-ondas, penso que tenha sido isso, não sei bem – ou talvez de ter dois cremes para misturar, para uma criança não deve ser muito simples, mas agora parece-me mesmo uma brincadeira de crianças!

segue a receita com as alterações que lhe fiz – há muitos anos que deixei de seguir as receitas à risca ;)

Ingredientes:

  • 125gr de manteiga amolecida
  • 125gr de açúcar
  • 3 ovos
  • meia caneca de leite de soja
  • 250gr de farinha com fermento
  • 1 colher de café de fermento em pó (apesar da farinha ter fermento)
  • 1 colher de café de bicarbonato de sódio
  • 1 colher de chá de essência de baunilha
  • 5 a 6 colheres de sopa de achocolatado suchard express

Preparação:

Bate-se a manteiga com o açúcar até ficar um creme esbranquiçado, e junta-se-lhe as gemas. A seguir, junta-se o leite e a farinha, aos poucos, mexendo sempre. Deita-se na massa o fermento e o bicarbonato de sódio, mexe-se bem, e depois adicionam-se as claras batidas em castelo, envolvendo com cuidado, até ficar tudo bem homogéneo.

Deita-se metade da massa para outra taça, deita-se o chocolate e mexe-se muito bem. No creme que não tem chocolate, deita-se a essência de baunilha e mexe-se bem.

Numa forma rectangular, untada com manteiga e polvilhada com rafinha, deitam-se colheradas alternadas de creme com chocolate e creme sem chocolate. Coze em forno médio durante cerca de 40 minutos.

bolo mármore - que acabou no próprio dia!

Bom Apetite!





tarte de limão “dos óscares”

21 02 2008

esta é a minha tarte de eleição, é uma receita da minha autoria, e só agora percebi que não tenho quase fotos nenhumas dela, não é estranho??

chamamos-lhe “dos óscares” porque tornou-se tradição levá-la para as sessões de “enfardamento” em noite de óscares, onde era acompanhada das mais variadas iguarias, desde os crepes da mariana, com nutela e com a ajuda da sofia, até aos pastéis de belém, ovos moles de aveiro, tarte de chocolate da avó do miguel (deliciosa!!), salame de chocolate, e muitas mais. eu comia e comia e comia, entre risos e galhofas e coisas que tais, e depois ia me deitar, quando a taralhoca, a baillaroska, e as outras meninas (e meninos, já em fase posterior) faziam pausa na comida para ver a cerimónia dos óscares. sim, sim, que eu sou aquela que não só tenho mau feitio quando fico com sono, como não sei o nome de mais do que 4 ou 5 actores/actrizes =P

esta tarte é daquelas que ou se adora ou não se gosta de todo. para quem gosta, cá vai a receita:

Ingredientes e Preparação:

para a massa:

  • 200gr de farinha
  • 1 colher de sopa de açúcar
  • 1 gema
  • 1 colher de sopa, mal cheia, de vinagre
  • 100gr de manteiga

Juntam-se os ingredientes todos numa taça, amassam-se com as mãos e quando estiver homogéneo, forra-se a tarteira, previamente untada com manteiga. pica-se a massa com um garfo, e vai ao forno 5 minutos. Desliga-se o forno, entreabre-se a porta, e deixa-se estar.

para o recheio:

  • 1 lata de leite condensado
  • 2 gemas
  • raspa e sumo de 1 limão
  • 1 pacote de natas (200ml)
  • maizena “engrossa molhos” qb

Num tachinho anti-aderente, deite o leite condensado, as gemas e a raspa do limão e leve ao lume, mexendo de vez em quando, até começar a borbulhar. Junte as natas, vá mexendo até o creme voltar a borbulhar, e aí junte o sumo de limão. O preparado vai engrossar um bocadinho, logo que comece a ferver, mas não o suficiente para se manter depois na forma, então convém juntar cerca de 2 colheres de sopa de maizena “engrossa molhos”, rasas (a maizena normal, ficaria cozida e em grumos, de imediato, por isso não convém usar) e deixar cozer. O creme deve ficar consistente mas não duro, talvez seja necessário juntar um pouco mais de maizena, vai depender sempre, eu nunca consigo usar a mesma quantidade, é sempre variável ;).

Deita-se o creme, ainda quente, na tarteira, e deixa-se arrefecer perto de uma janela, para o recheio da tarte ficar consistente e não entornar.

para o merengue:

  • 3 claras
  • 90gr de açúcar

Batem-se as claras em castelo, junta-se o açúcar e bate-se mais um pouco, e depois espalha-se o merengue por cima do recheio da tarte. Eu espalho com uma faca, para alisar, e atiro – literalmente – os últimos pedacinhos de merengue, para ficar mais bonitinho :) polvilha-se com açúcar (pouco!) e vai ao forno até o merengue estar douradinho =)

Ao tirar do forno, cuidado para manter a tarteira direita, o recheio quente tem tendência para entornar. Com cuidado, descola-se a massa de tarte das paredes da tarteira, mas convém desenformar fria.

 

tarte de limão dos óscares

Bom Apetite!